Linho Misto Laranja Forte - 70% Viscose 30% Linho - 1,38 Metros de Largura - 179g/m²

R$44,90

Entregas para o CEP:

Meios de envio

  • 104 Tecidos Barbacena Praça Pedro Teixeira, 21 Centro, Barbacena MG Segunda à Sexta: 9h00 as 18h00 Sábados: 9h00 as 13h00 (32) 3331-7805
    Grátis
Alguma dúvida? Fala com a gente!
(32) 98468 -1193
Sua Compra é Segura

O Linho Misto une as qualidades do Linho e da Viscose em um só tecido! Você ganha frescor, maciez, um toque muito gostoso, caimento incrível e, claro, a beleza! Além disso, você ganha um tecido mais pesadinho, mais barato e que amassa menos. Você pode fazer desde diversas peças para vestuário como calças, bermudas, vestidos, saias, casacos até artigos para casa como jogos de cama, guardanapos, toalhas de mesa e cortinas

Um pouco mais sobre o Linho

O Linho é um tecido de fibras naturais, feitas a partir do caule das plantas de linho. Ao contrário do algodão, que retém umidade, o linho é um tecido que seca rápido, mantendo-se fresco mais tempo, sendo por isso indicado para regiões quentes e também para quem gosta de um tecido mais fresquinho, mesmo nas estações frias.

Sua produção requer um maior tempo e recursos, tornando – se o linho um tecido “mais caro” que outros. Digo entre aspas pois o preço unitário é diferente do valor que o linho traz. Esse valor são suas características únicas que outros tecidos não possuem.

Há indícios de uso de linho para roupas de mais de 36 mil anos atrás, na Europa, onde era utilizado pelas classes mais ricas. Já no Egito Antigo, devido as condições climáticas, o linho era uma excelente opção: primeiro pela sua incrível característica de frescor e segundo pois sua cor natural é branca, e é um fato que roupas brancas são mais frescas pois retém menos calor. Diferentemente da Europa, lá no Egito seu uso era mais generalizado. Inclusive era usado como moeda de troca e também para embalsamas as famosas múmias.

No Século XVIII, a Irlanda estava tão forte na produção do linho que a cidade de Belfast começou a ser apelidada de “Linhópolis”.

Com o passar dos anos, a produção do linho perdeu muito do seu espaço para o algodão, que tem uma produção mais rápida e barata. Hoje os maiores produtores de linho são a China, Estados Unidos e a Itália.

Uma estratégia da indústria hoje em dia é produzir o linho misto, que normalmente é feito com a viscose. Isso torna o tecido bem mais barato e acessível a todos e mantém as excelentes qualidades de maciez, toque, frescor, caimento e, claro, a beleza! Quanto mais puro for o tecido de linho, maior será o seu preço.

O que fazer com o Linho

Podemos usar os tecidos de linho para basicamente quatro categorias:

Vestuário: camisas, bermudas, short, vestidos, saias, calças, terninhos, blazer, lingeries, camisola, robes, roupas de baixo e muito mais

Artigos de cama: jogos de cama

Decoração: cortinas, guardanapos, toalhas de mesa e toalhas

Indústria: produção de telas de pintura

Lavagem e Conservação

- Como é feito de fibras naturais, o linho encolhe a primeira lavagem, então leve sempre um pouquinho a mais como margem de segurança e não se esqueça de molhar o tecido antes de costurar

- É um tecido que amassa bastante, mas é fácil de passar, assim como algodão, a temperaturas médias

- Pode ser lavado e centrifugado a máquina

- Seque a sombra e esticado, pois assim terá menos trabalho para passar e aumentará a vida útil da sua peça

- Não use produtos a base de cloro, pois há risco de manchar o seu tecido